sábado, 14 de junho de 2014

Gleydianne Gondim no Miss Continente Brasil 2014.





A candidata oficial do estado do Ceará no concurso nacional vem da bela cidade de Mauriti. Coordenada pelo promoter Thyago Mauriti, Gleydianne venceu o concurso oficial Miss Continente Ceará 2014 em evento ocorrido no Magna Praia Hotel, em Fortaleza, no dia 23 de maio, e que contou com a coordenação oficial do promoter Christian Oliver. O certame nacional acontecerá entre os dias 17 e 20 de setembro em João Pessoa, no estado da Paraíba.
Mauriti se orgulha por ter nossas belas jovens representando o nosso município e levando o nome da nossa terra, participando de um evento como este, de nível nacional, agora e como foi na participação de Maria Helena no ano passado. Parabéns e desde já, boa sorte!

Fonte: Miss Continente Brasil com fotos da UP! fotografia.

sexta-feira, 13 de junho de 2014

Mais uma etapa do Projeto Arte na Escola.










               Pinturas e Fotos de Roger Graffiti.

Agricultura familiar de Mauriti presente na XIV Exproaf.





Foi encerrada no domingo (08) a XIV Edição da EXPROAF (Exposição dos Produtos da Agricultura Familiar do Cariri) no Parque de Eventos Pedro Felício Cavalcante em Crato. Iniciado dia cinco o evento contou com programação diversificada como seminário sobre sustentabilidade do rebanho, liberação de recursos do Pronaf, e do Agroamigo, oficina de comunicação e mídia, entre outros.
A realização é da FETRAECE (Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado do Ceará) que congrega sindicatos de trabalhadores rurais e Secretaria de Desenvolvimento Rural. Dentre os parceiros do tradicional evento o SEBRAE, Banco do Nordeste, Instituto Agropolos, Ematerce, Instituto Flor de Pequi e prefeituras de Crato, Missão Velha, Barro, Mauriti, Santana do Cariri e Tarrafas.
Dentre os seminários realizados destacamos o do Ano Internacional da Agricultura Familiar, Agroecologia, PAA (Programa de Aquisição de Alimentos), Sustentabilidade do rebanho, PRONAF, Agroamigo do BNB, Oficina de Comunicação e Mídia e de Beneficiamento de Leite.
Leonildo Peixoto de Farias, Presidente do Instituto Agropolos Ceará disse a imprensa que o número da edição, 14, é uma prova inconteste do evento que sempre contará com apoio do órgão que administra. Pedro Lobo, coordenador do Território de Cidadanias do Cariri lembrou que todos os municípios se fazem presentes mostrando a força da agricultura familiar e que os governos nas três esferas, Nacional, estadual e municipais, têm buscado fortalecer ações que possibilitem o crescimento do setor.

               Fonte: Blog do Juazeiro com fotos de Beto Fernandes e Maria Cristina Viturino.

quarta-feira, 11 de junho de 2014

Mauriti rural - Imagens da vida no interior.

 Dona Nôzinha e as crianças brincando

 Seu José Ataciso em um riacho temporário

               Fotos: O Tempo. 
Enquanto o neto brinca no quintal, Pedro rebusca as boas lembranças

domingo, 8 de junho de 2014

Transposição reduz mão-de-obra exportada para São Paulo.

Presidenta Dilma ao lado de Otacian Jacó, do distrito de Palestina. 
Um dos muitos funcionários contratados no município de Mauriti.
Fotografados durante a visita ao canteiro de obras em Jati - CE.
Com a intensificação das obras da transposição do Rio São Francisco nas regiões de Mauriti, estado do Ceará e São José de Piranhas e Cajazeiras, na Paraíba, a empresa de construção civil, a Queiroz Galvão continua admitindo trabalhadores para as obras, reduzindo assim, a mão-de-obra que era levada para o sudeste do país, especialmente para o "Corte de Cana".
De acordo com informações da empresa repassadas ao Radar Sertanejo, centenas de trabalhadores da Paraíba, Ceará e Pernambuco que viajavam para o corte de cana no interior de São Paulo conseguiram emprego nas obras da transposição e abandonaram o canavial açucareiro.
O agricultor, Antonio de Bião, que mora em São José de Piranhas disse que conseguiu um emprego e desistiu do trabalho nas usinas paulistas. “Estou bem demais aqui, aqui estou em casa, estou com minha família toda hora, Graças a Deus nem penso mais em cortar cana".
No trabalho da transposição, os cargos mais solicitados são os de pedreiro e carpinteiro. Muitos desses profissionais deixaram de fazer diárias para particulares e estão empregados na obra.

Fonte: Diário do Sertão com foto de Otacian Jacó.